sábado, 28 de março de 2015

Março | 2015 Ano VI – Edição 69 – Reunião da diretoria da AMME com novo subprefeito

Coluna AMME - Jorge BarataEm reunião com o novo Subprefeito Roberto Salles, na sala de nossa entidade,  a Associação entregou as seguintes reivindicações por oficio:

• Volta do efetivo original da UOP (Guardas Municipais). A inauguração desta foi em Junho de 2012 com mais de 100 homens, hoje o efetivo está reduzido a menos de 30 guardas;
• Replantio de árvores, pois diversas formam irresponsavelmente mortas pelas COMLURB em vários pontos do bairro. Só pararam depois de nosso e-mail enviado ao Prefeito, que transferiu o problema para o Presidente deste órgão municipal. Mesmo assim, ainda por vezes nos deparamos com árvores mortas que deveriam ser somente podadas;
• Pardais com velocidade extremamente reduzida. Solicitamos que o limite de velocidades de 40 km passe para 60 km nas Ruas Hermengarda, Dias da Cruz e Castro Alves com Coração de Maria, pois as mesmas são vias com grande fluxo de veículos e a redução extremada de velocidade além de prejudicar o trânsito propicia a investida e aumento de assaltos;
•  É grave a população de rua no bairro e se faz necessário o encaminhamento para uma vida mais digna através da SMDS;
• Ampliação do Hospital Salgado Filho, conforme decreto n 33377 de 02/02/2011 através de desapropriação de estacionamentos ao lado, bem como, melhoria no seu atendimento com contratação de mais profissionais de saúde;
• Recuperação do calçamento em diversas ruas, bem como, a recuperação deste na área do Rio Cidade mantendo sua originalidade;
•  Recuperação e ampliação do Viaduto Castro Alves. Retomada do projeto de construção que liga Canal Rio Méier ao Engenho de Dentro, resolução da SMU nº 993 de 14/07/2011;
• Reivindicações que fogem ao âmbito da esfera municipal, mas que esperamos sejam implementados, é o funcionamento das escadas rolantes na Estação Méier em sua plenitude e a chegada do metrô.

Ainda solicitamos verbalmente que várias baias de ônibus sejam construídas ao longo da Dias da Cruz para melhorar o trânsito nesta rua.
Nossa diretoria deseja sucesso em sua gestão e que possamos fazer parcerias para melhoria da qualidade de vida de nossa população sem atritar com a nossa história, cultura e costumes.

2 comentários:

Anônimo disse...

Gostaria de pedir um estudo sobre a volta da Estação de Todos os Santos, pois conheço o bairro desde que nasci e só vi se degradar depois do fechamento desta estação. Até mesmo a passagem subterrânea que tinha embaixo da estação foi fechada, fazendo com que o comércio do local ficasse sem total movimento. Entrei em contato com o hospital Pasteur e com a antiga Univercidade para ver se elas tinham interesse em financiar, mas não responderam. Abraços.

Wilton Ribeiro disse...

Oferecemos aos moradores e associados o Plano de Assistência Jurídica Arbitral, através da Conciliação, sem recorrer ao Judiciário. wiltonribeiro2013@gmail.com